Conteúdo em áudio Corretores de Imóveis

Qual a importância do curso de oratória para um corretor de imóveis?

Falar em público é uma experiência que pode ser desagradável para muitas pessoas. O problema é que essa inibição causa danos profissionais, principalmente se a fala for o principal instrumento de trabalho do indivíduo. Nesses casos, um curso de oratória pode ser recomendado para ajudar a superar esse obstáculo.

Por isso, é importante entender como esse curso pode contribuir para a formação profissional de um corretor de imóveis. Preparado? Então, vamos lá!

Entendendo a importância de um curso de oratória

É comum associarmos o aprendizado com aspectos profissionais. Por isso, muitos pais desestimulam os seus filhos de participarem de atividades artísticas, como teatro ou desenho, para que eles estudem temas relacionados ao mercado de trabalho.

Isso não é muito interessante, pois, ainda que a criança não se torne um ator, ter contato com expressões artísticas pode ajudá-la a vencer a timidez e ganhar confiança.

Sendo assim, se você está em dúvidas se deve realizar um curso de oratória, saiba que essa atividade pode ser muito útil para o seu desenvolvimento profissional.

Desenvolvendo a capacidade de improviso

No caso dos corretores de imóveis, é comum que os clientes façam perguntas que pegam o profissional de surpresa. Para responder adequadamente, é importante ter alguma capacidade de improvisar, ganhando tempo para pensar e organizar os argumentos mentalmente antes de falar.

Ademais, esse tipo de conhecimento contribui para que o corretor fuja de uma fala robótica, monótona e distante do cliente. É comum que isso ocorra quando o corretor se apega a um script de vendas, sem ter coragem de fugir do roteiro.

Entendendo a importância da linguagem corporal

Mesmo pessoas inteligentes, com ampla experiência no mercado imobiliário, podem perder vendas caso não entendam a necessidade de ter, literalmente, uma postura profissional.

Imagine um corretor que anda com os ombros encolhidos e o olhar baixo? Essa postura física está associada ao medo e, ainda que inconscientemente, o cliente pode se perguntar sobre o motivo desse medo, deixando de prestar atenção no imóvel.

Aprendendo a empostar a voz adequadamente

Outra lição valiosa do curso de oratória (que também pode ser adquirida com a ajuda da fonoaudiologia) é o aprendizado relacionado à voz. Você já deve ter reparado que repórteres de rádio e tevê conseguem se expressar com clareza, não é mesmo?

Essa qualidade pode ser útil aos corretores de imóveis, pois ajuda a passar credibilidade à negociação. Ademais, ela evita que o corretor cometa gafes, como falar muito alto (demonstrando agressividade), muito baixo (demonstrando desinteresse) ou de maneira desajeitada, como uma pessoa que tenta imitar o modo de falar de outro indivíduo.

Se uma das suas metas para esse ano era voltar a estudar, considere fazer um curso de oratória. Afinal de contas, você trabalha com a sua voz e deveria aprender a usá-la de forma mais adequada. Isso pode contribuir para que você consiga ter mais sucesso em suas abordagens.

Gostou deste artigo? Então, compartilhe-o com seus colegas pelas redes sociais ou grupos de WhatsApp. Quem sabe você não consegue um colega para te acompanhar no seu curso de oratória?

Faça uma simulação e financie até 82%

Acompanhe

Acompanhe as nossas redes sociais e fique por dentro das novidades.