credipronto-logo-blog

Siglas do mercado imobiliário: veja lista com 12 nomenclaturas que você precisa conhecer

Siglas do mercado imobiliário: saiba qual a importãncia de conhecer esses termos!

Você ainda não conhece as principais siglas do mercado imobiliário ? Entender o significado delas é fundamental, sobretudo durante as transações de compra e venda de propriedades envolvendo créditos e financiamentos imobiliários.

Dessa forma, você entenderá melhor os processos e as etapas que envolvem a aquisição de um imóvel , assim como as taxas aplicadas, o que lhe dará uma maior segurança nas transações.

Além do mais, a comunicação entre você e a instituição financeira será mais clara e objetiva, com menos dúvidas, o que contribui para agilizar o processo . Por isso, continue a leitura deste texto e conheça o significado das principais siglas. Bom aprendizado!

 

Quais são as principais siglas do mercado imobiliário?

A CrediPronto preparou uma lista com 12 nomenclaturas principais do mercado imobiliário. Salve este conteúdo para quando tiver dúvidas. Confira a seguir!

 

1. FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço)

É um benefício disponível aos trabalhadores com carteira assinada, seguindo à Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) , cujo valor é depositado pelos empregadores em uma conta poupança vinculada à Caixa Econômica Federal.

Além de ser possível sacar esse saldo após demissão do emprego, o FGTS pode ser utilizado durante a compra de imóveis , seja para complementar o valor da entrada, seja para amortizar o saldo devedor. Contudo, o uso desse benefício deve seguir regras específicas reguladas pela Caixa.

 

2. IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado)

O IGP-M é calculado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Esse índice de controle da inflação é voltado para contratos de locação de imóvel , tarifas públicas e serviços de seguro e planos de saúde.

 

3. INCC (Índice Nacional de Custo de Construção)

Outra da sigla do mercado imobiliário calculada pela FGV, o INCC corresponde à oscilação dos preços dos materiais e da mão de obra utilizados em projetos habitacionais . Esse índice é utilizado pelas instituições financeiras durante a correção do valor das parcelas de um financiamento imobiliário de propriedades ainda em construção.

 

4. INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor)

Esse índice utiliza como referência o perfil de consumo de famílias cuja renda corresponde a até seis salários mínimos e serve para medir o nível de inflação de determinada região do país.

Os segmentos de habitação e itens residenciais são utilizados na comparação do consumo desse público, por isso, essa é uma das siglas do mercado imobiliário que não podia ficar de fora dessa lista.

 

5. IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo)

O principal objetivo do IPCA é medir o nível de inflação no Brasil, cuja mensuração é feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Esse índice também é utilizado como indexador dos juros da renda fixa, visando proteger o poder de compra da população, e nos financiamentos para correção da taxa de juros .

 

6. ITBI (Imposto de Transmissão de Bens Imóveis)

Se você planeja comprar uma propriedade, deve conhecer o significado dessa sigla do dicionário de mercado imobiliário . Afinal, essa tributação incide justamente nas operações de compra e venda de imóveis , devendo ser paga pelo comprador.

 

7. RI (Registro de Incorporação)

Documento que contém as características de um empreendimento habitacional , fundamental no mercado imobiliário. É proibida a venda de imóveis que não têm esse registro. Nas informações contidas no RI, é possível encontrar as condições da edificação e opções de distribuição dos cômodos.

 

8. SAC (Sistema de Amortização Constante)

Essa é uma das principais siglas do mercado imobiliário . O SAC é voltado para o financiamento imobiliário e refere-se a um dos principais tipos de cálculos das parcelas desse crédito.

Para isso, o SAC determina que o índice de amortização do saldo devedor será o mesmo durante todo o contrato, ocasionando em parcelas mais altas no início, mas que vão reduzindo ao longo do tempo.

 

9. SBPE (Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimos)

O SBPE é um modelo de financiamento imobiliário que utiliza os recursos da caderneta de poupança para facilitar a compra de imóveis ou terrenos. Para contratar, é necessário que a renda familiar seja acima dos R$ 5 mil .

 

10. SFH (Sistema Financeiro da Habitação)

Outra sigla voltada para o crédito imobiliário é o SFH , que corresponde a um dos modelos de financiamento disponíveis no país. O SFH é o favorito da maioria dos brasileiros devido aos juros baixos, ao prazo de até 420 meses para pagar e à possibilidade de utilizar o FGTS . Esse modelo de financiamento é usado pelo programa federal Casa Verde e Amarela .

 

11. SFI (Sistema Financeiro Imobiliário)

Esse modelo de financiamento é voltado para o público que não pode solicitar créditos imobiliários por meio do SFH. Ou seja, pessoas jurídicas ou que desejam adquirir imóveis cujo valor de avaliação é acima de R$ 1,5 milhão. *Entenda as diferenças entre o SFH e SFI e confira melhor as principais características desses dois modelos de financiamento imobiliário.

 

12. TR (Taxa Referencial)

Determinada pelo Banco Central do Brasil , essa taxa é usada no cálculo do rendimento de algumas aplicações financeiras, financiamentos imobiliários e títulos de capitalização. O cálculo da TR é feito diariamente e mensalmente, podendo ser consultado no site do BC.

 

Significado dos principais termos financeiros

Além das siglas do mercado imobiliário apresentadas acima, para garantir maior segurança na compra de um imóvel, é importante conhecer o significado dos principais termos financeiros .

Veja-os abaixo:

  • Amortização : valor que corresponde à parte da parcela sem incidência de juros, cuja função é diminuir o saldo de uma dívida.
  • Crédito imobiliário : tipo de empréstimo voltado para aquisição, construção ou reforma de bens imobiliários.
  • Escritura : documento público registrado em cartório e que comprova a transferência da posse de uma propriedade de uma pessoa para outra.
  • Financiamento imobiliário : modelo de empréstimo voltado exclusivamente à compra de imóveis, seja comercial, seja residencial .
  • Hipoteca : linha de crédito que utiliza propriedade imobiliária para garantir um empréstimo com melhores condições de pagamento.
  • Indexação : ação de ajuste de um valor com base em um índice ou indexador.
  • Matrícula do imóvel : registro da propriedade no Cartório de Registro de Imóveis que deve conter as principais características do imóvel.
  • Saldo devedor : valor devido a uma instituição financeira, proveniente de um empréstimo, que diminui conforme as parcelas vão sendo pagas.

Chegamos ao fim deste texto. Esperamos que tenha entendido o significado das principais siglas do mercado imobiliário, aumentando o seu vocabulário e conhecimento sobre essa área.

Agora, você está preparado para adquirir imóveis de forma mais segura e rápida. Conte com o financiamento imobiliário ou crédito com garantia de imóvel da CrediPronto para realizar esse investimento, aproveitando as melhores condições do mercado . Fale conosco e saiba mais.

 

Financiamento-imobiliario-com-a-CrediPronto

 

Conheça a CrediPronto

A CrediPronto é uma empresa especializada em financiamento e crédito imobiliário com garantia de imóvel. Com 13 anos de experiência no mercado, temos parceiros espalhados em todas as 27 unidades federativas do país.

Sabemos que adquirir um imóvel é um passo importante na sua vida, por isso oferecemos as melhores condições de financiamento imobiliário do mercado. A CrediPronto disponibiliza linhas de crédito que variam de R$ 40 mil a R$ 3 milhões , com a possibilidade de financiar até 90% do valor do imóvel. Também é possível pagar a dívida em até 30 anos .

A CrediPronto oferece o serviço de consultoria gratuitamente para você entender as opções de financiamento disponíveis e escolher a melhor alternativa para o seu orçamento.

Além do mais, por meio do nosso simulador , você fica sabendo qual é a melhor opção de financiamento imobiliário e agiliza a análise de crédito com a CrediPronto.

Outras vantagens de realizar o seu financiamento com a CrediPronto são:

  • atendimento personalizado, 100% online ;
  • emissão de contrato de forma rápida e segura;
  • taxas competitivas.

Temos milhares de clientes satisfeitos com nossos serviços e queremos que você seja o próximo. Entre em contato conosco e fale com um de nossos consultores.

A CrediPronto é uma empresa intermediadora de financiamento imobiliário que foi criada pelo Itaú. Ao financiar com a CrediPronto você tem consultoria gratuita com profissionais especialistas, que vão acompanhar seu processo de perto do começo ao fim e te ajudar no que for necessário, além de outras vantagens.

Na CrediPronto, a taxa de juros padrão é a partir de 10,49% ao ano + TR. ________

O financiamento imobiliário CrediPronto é exclusivamente com o banco Itaú.

Você pode quitar o seu imóvel em até 35 anos (420 meses). Podendo também quitar antes.

Você pode financiar até 90% do valor do imóvel.

Tem o sonho da casa própria?

Financie até 90% do imóvel com taxa a partir de 10,49% ao ano+TR, podendo pagar em até 420 meses (35 anos).