Conteúdo em áudio Educação Financeira

Como e quando contratar empréstimo para pagar dívida?

Quando contratar empréstimo para pagar dívidas? ouça essa matéria para te ajudar.

No segundo semestre de 2018, o Serasa divulgou que o número de brasileiros inadimplentes bateu recorde. Com o enfraquecimento da economia nacional, a taxa de desemprego subiu e consequentemente, os níveis de devedores ficou acima dos últimos anos.

Em momentos como esse, quando os consumidores não encontram outra solução para quitar as dívidas, pedir empréstimo se torna uma alternativa. Mas será mesmo que contratar crédito é uma boa ideia?

O que levar em consideração antes de pedir um empréstimo:

Analise suas dívidas e faça um planejamento

Coloque seu orçamento no papel, o que inclui o quanto você ganha no mês e como gasta seu dinheiro: contas, lazer, supermercado e outras necessidades.

Entender sua dívida é uma parte importante do processo, pois você deve ter em mente o quanto deve, para quem deve, os juros e o tempo que você está devendo.

É recomendável fazer um empréstimo apenas quando os juros são baixos e as dívidas estão descontroladas. Lembre-se de somar todo o valor que deve para poder solicitar uma quantia suficiente.

Confira as ocasiões que pedir crédito pode ser vantajoso:

Rotativo do cartão de crédito e cheque especial

Caracterizados por juros mais altos e encargos caros, o ideal é quitá-los o mais rápido possível, antes que as dívidas se tornem assustadoras.

O empréstimo consignado é uma alternativa viável nesse caso, uma vez que o valor das parcelas é descontado direto da folha de pagamento. Diferente do empréstimo pessoal, que não é rigoroso na análise dos clientes, mas possui uma das maiores taxas do mercado.

Porém, antes de solicitar, faça uma ampla pesquisa de bancos e instituições. Analise os juros, prazos e requerimentos da modalidade de crédito desejada.

Desconto para pagamento antecipado

O pagamento antecipado com desconto é realizado através de um acordo entre credor e devedor. O empréstimo é uma opção atraente para quem quer aproveitar e se livrar das dívidas.

Há casos que a dívida é reduzida em até 90%, mas nessa modalidade, o valor deve ser pago de uma vez, com a vantagem de limpar seu nome rapidamente.

Conhecido pelo país todo, o Feirão Limpa Nome do Serasa realiza encontros de credores com devedores, em espaços para negociação dos descontos para quitar as dívidas. É mais vantajoso para o credor diminuir o débito para garantir que receberá uma quantia naquele momento.

Limpar seu nome no mercado

Ter restrições no nome traz desvantagens como a impossibilidade de comprar um carro, fazer um financiamento ou conseguir crédito para a compra de móveis e outras necessidades.

Fazer um empréstimo nesse caso é vantajoso, pois você estará quitando a dívida e limpando seu nome. Normalmente, o processo leva cinco dias para remover seu CPF do banco de negativados.

Não são todos os bancos ou financeiras que cedem crédito para pessoas com restrição no nome, pois não há total segurança que o solicitante irá pagar o valor desejado.

Como pedir um empréstimo

O primeiro passo é comparar os bancos, as financeiras e outras instituições que cedem crédito. Lembre-se: ao solicitar um empréstimo, você terá que pagar por ele.

Construa um planejamento e tenha em mente como usará a quantia. Mostre ao credor que você é responsável financeiramente, pois seu perfil será analisado rigorosamente.  

No site da instituição escolhida, você pode simular o valor. É possível solicitar no próprio site ou via telefone. Aguarde o contato da empresa e tenha consigo todos seus documentos mais importantes, como RG, CPF, certidão de nascimento, comprovante de renda e de residência.

Alternativas para ter dinheiro

Há pessoas que não se sentem confortáveis em fazer empréstimo, pois ficarão dependentes de uma instituição. Para casos como esse, apresentamos algumas formas de obter uma renda extra e conseguir quitar as dívidas.

Alugue seu imóvel ou veículo

Muitas vezes alugar se torna mais vantajoso do que vender, já que todo mês você estará recebendo. Alguns aplicativos como o Airbnb, disponibilizam o contato entre hóspede e anfitrião, o que contribui para que seu imóvel fique muito mais visível e seja alugado rapidamente.

Já para quem não é de dirigir muito, alugar o carro é uma alternativa. É possível cobrar por hora, semana ou mês.

Cuide de animais

Atualmente, uma das opções mais conhecidas de ganhar um dinheiro extra é cuidar de animais, mais especificamente, cachorros.

É necessário ficar atento com os hábitos do animal, como alimentação, higiene e horário de passeios. Aplicativos como Dog Hero e Pethub fornecem o contato direto do dono do animal com o cuidador. Normalmente, os valores são referentes a diárias, entre 40 e 80 reais.

Seja freelancer

Redatores, desenvolvedores, designers, fotógrafos e tradutores, são algumas das profissões que se encaixam como freelancers.

Há vários sites em que é possível publicar uma vaga como freelancer, onde constará todas as suas habilidades e trabalhos já realizados ou se candidatar para uma vaga.

Faça e venda produtos artesanais

Confecção de bijuterias, bolsas, decoração ou móveis, pode ser uma ótima alternativa para completar a renda mensal.

É possível vendê-los em barraquinhas no seu bairro ou no centro da cidade, normalmente em feirinhas de artesanato ou virtualmente, em sites especializados para esse tipo de comércio.

Faça um brechó

A acumulação de roupas é algo comum entre muitos indivíduos.

Na intenção de ganhar um dinheiro a mais, muitas pessoas decidem se livrar das peças que não usam mais, e montam um brechó, onde podem vendê-las por preços mais acessíveis.

Cuidados ao tomar empréstimo para quitar dívidas

Pedir empréstimo requer uma grande responsabilidade de ambos os lados. O credor deve cumprir com o que ofereceu ao solicitante, enquanto este último deve cumprir com o que assinou no contrato.

É necessário atentar-se a alguns fatores:

  • Taxa de juros – as linhas de crédito podem ser oferecidas com ou sem garantia. Normalmente, quem cede para negativado possui taxas maiores. Não contrate um empréstimo que tenha juros acima do que você pode pagar, o ideal é que não ultrapasse 30% da sua renda.
  • Valor liberado – há quantias específicas para cada modalidade de empréstimo. O Itaú libera de R$800 a R$50.000.
  • Prazos – o melhor prazo é aquele que combina com as suas necessidades. Em geral, no consignado é possível fazer em até 96x, para nomes com restrição, em até 12x, e os prazos do crédito pessoal dependem do tipo de empréstimo escolhido.

Credibilidade – é importante analisar a reputação do banco ou financeira credora, isso serve tanto para solicitações presenciais quanto online. Não é incomum que empresas fraudulentas peçam pagamentos antecipados, o que é crime, fazendo com que o solicitante do crédito perca dinheiro, pois não receberá nenhuma quantia.

Texto escrito por Beatriz Contelli, da equipe de redação do Juros Baixos, fintech que tem o objetivo facilitar e guiar decisões financeiras inteligentes e conscientes.

Faça uma simulação e financie até 82%

Acompanhe

Acompanhe as nossas redes sociais e fique por dentro das novidades.