Corretores de Imóveis

Marketing pessoal: faz alguma diferença no mercado imobiliário?

Não é preciso ser corretor para entender que a apresentação de um imóvel é tudo na hora de fechar a sua venda ou aluguel. Afinal, já que a primeira impressão é a que fica, é preciso agregar valor à imagem daquele espaço para encantar o cliente.

Essa realidade não é muito diferente quando o assunto é a escolha de um corretor imobiliário. Por isso, tantos profissionais sabem que devem se preocupar com a sua identidade profissional para se destacar entre os concorrentes e promover uma imagem confiável diante de seu público.

Neste post, você vai aprender um pouco mais sobre a importância do marketing pessoal para corretores por meio de algumas atitudes importantes para favorecer a sua postura profissional. Confira quais são elas a seguir!

Desenvolver uma marca pessoal

Ao pensar no perfil de sua audiência e suas necessidades, é importante que o corretor saiba como construir uma marca pessoal de peso para se relacionar com ela. Para fazer isso, foque nos seus pontos fortes ao elaborar a imagem que você quer que as pessoas relacionem com seu nome.

Nesse caso, vale a pena contratar um profissional para ajudá-lo a desenvolver uma identidade visual para a sua marca, incluindo logotipo, cartões de visita, website e o que mais desejar.

Aprender a fazer um bom networking

Muita gente fala que o que conta no mercado brasileiro é o QI (“Quem Indica”). Por isso, a criação de uma ampla rede de conexões é parte de uma boa estratégia de marketing pessoal para aumentar as oportunidades de autopromoção do corretor.

Estar sempre em contato com seu cliente, mostrar-se disponível e frequentar ambientes que favorecem o convívio coletivo são boas atitudes para colocar o networking em prática e até mesmo conseguir conquistar novos parceiros ou clientes.

Contar com a tecnologia

O uso de dispositivos eletrônicos podem fornecer muita praticidade para qualquer corretor. Imagine poder realizar um tour virtual ou apresentar um imóvel usando apenas um tablet ou smartphone, sem necessidade de forçar o deslocamento do cliente?

Mais do que isso, as ferramentas tecnológicas mais modernas também:

  • organizam a agenda do profissional;
  • monitoram sua produtividade;
  • agilizam procedimentos;
  • impressionam clientes;
  • facilitam tanto o ampliamento do networking quanto o contato com aqueles que já estão sendo atendidos pelo corretor.

O impacto de tudo isso não poderia ser melhor para o seu marketing pessoal!

Ter presença nas redes sociais

Para interagir com seu público, nada melhor do que se mostrar disponível online. Ao criar perfis alinhados com a marca pessoal que você está empenhado em construir (em redes como Facebook, LinkedIn e Instagram), você consegue mostrar um pouco da sua personalidade profissional e ainda pode engajar seguidores que desejam conhecer melhor o seu trabalho.

Você também pode fazer um blog para produzir conteúdos relevantes sobre o mercado imobiliário e divulgar algumas ofertas online.

Por fim, lembre-se de que a melhor maneira de trabalhar seu marketing pessoal consiste simplesmente em manter a atenção com seu público ativa. Se alguém lhe enviar um e-mail, uma mensagem inbox ou pedir sua opinião em algum assunto, responda com cordialidade e rapidez. Esses detalhes pessoais ajudam a garantir sua credibilidade e confiança.

Gostou do post? Então aproveite para baixar o nosso e-book sobre as melhores práticas de relacionamento com clientes e vender cada vez mais. Boa leitura!

 

Faça uma simulação e financie até 82%

Acompanhe

Acompanhe as nossas redes sociais e fique por dentro das novidades.