Conteúdo em áudio Mercado Imobiliário

Existe um momento certo para comprar um imóvel?

Ouça essa matéria clicando no play abaixo.

Existe um momento certo comprar um imóvel e um momento que não será tão favorável. O momento certo é quando você está com as contas em dias, vai comprometer somente 30% da renda familiar e outros fatores que iremos listar abaixo. O momento desfavorável envolve dívidas, inclusão do nome no SPC/Serasa, incertezas no mercado, e principalmente falta de planejamento das finanças pessoais.

Para esclarecer quando é o momento adequado para a compra, é preciso levar em consideração diferentes fatores. Saiba mais:

Disciplina para comprar um imóvel

O primeiro passo é anotar as despesas em relação aos rendimentos, sendo ideal uma planilha de rendimentos para ajudar a saber o quanto precisará poupar ou investir. É importante ser claro em relação ao dinheiro que está entrando e o que está saindo. Esse controle auxilia em saber em que o dinheiro está sendo gasto e os itens que podem ser cortados.

Quando se tem disciplina é possível saber aonde está indo o dinheiro e como ele pode ser melhor aplicado. É a melhor forma de manter o pé no chão e ter responsabilidade com os gastos.

O momento certo é sem despesas e dívidas

Livre-se das despesas e serviços que não usa ou que representam um gasto desnecessário. Compramos coisas e até fazemos assinaturas de serviços que não precisamos e em algumas situações nem sabemos a real finalidade. Pode ser a assinatura de uma revista que nem ao menos está lendo com frequência, a academia que de vez em quando aparece e outros gastos que podem ser deixados de lado.

É importante se livrar das assinaturas e demais despesas que você não costuma usar, mesmo que representem alguns poucos reais. Essas podem ser, ao longo de um ano, uma despesa que chega a centenas de reais. Aquelas despesas como o financiamento do veículo podem impedir a liberação do financiamento do imóvel e também precisam ser quitadas.

 Analise o mercado

A instabilidade do mercado imobiliário dá margem para negociações de boas condições no financiamento. Os preços estão baixando e é possível adequar a taxa de juros de acordo com a renda e ainda utilizar recursos do FGTS – Fundo de Garantia por Tempo de Serviço.

Em alguns casos, é possível financiar até 75% do valor total do imóvel, se for novo. Além disso, a maior oferta de imóveis e o dinheiro curto tendem a diminuir os valores. A última pesquisa feita pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) para o período de novembro de 2014 a outubro de 2015, mostra uma queda de 7% nas vendas de imóveis em todo o país. Já é a décima vez consecutiva que a variação do índice foi inferior à inflação na mesma base de comparação.

Nas imobiliárias, os valores tiverem um recuo na casa dos 5%, mas em alguns casos extremos, a redução foi até de 20% no preço de imóveis à venda. É importante pesquisar valores, condições, os melhores bancos, localização e também levar em conta as preferências, afinal comprar um imóvel é trabalhoso, mas precisa atender as nossas necessidades.

Gostou do conteúdo? Não deixe de acessar nosso site para saber as melhores condições de compra e outras informações importantes para quem quer realizar o sonho da casa própria.

 

Acompanhe

Acompanhe as nossas redes sociais e fique por dentro das novidades.

[]
1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
Faça uma simulação e financie até 82%