credipronto-logo-blog

Empréstimo ou financiamento? Entenda as vantagens e desvantagens e veja como escolher

 

É comum recorrer ao empréstimo ou financiamento na hora de contratar um serviço financeiro para ter acesso a uma quantia de dinheiro, seja para comprar um imóvel, seja para objetivos mais simples.

Apesar de os dois modelos envolverem a liberação de dinheiro por instituições financeiras , ambas as operações têm finalidades, taxas e requisitos diferentes. Por isso, é comum ter dúvidas sobre qual a opção mais vantajosa , sobretudo para quem vai comprar um imóvel .

Para ajudar quem tem dúvidas sobre empréstimo ou financiamento , reunimos neste artigo informações importantes sobre o tema. Além disso, confira as vantagens e desvantagens de cada modalidade e veja como solicitar financiamento imobiliário com a CrediPronto . Boa leitura!

 

O que é financiamento?

O financiamento consiste em uma instituição financeira, a exemplo de bancos, emprestar dinheiro para uma pessoa, por meio do pagamento em médio ou longo prazo de parcelas acrescidas de taxas e juros.

Esse valor pode ser usado para determinado fim, que deve ser acordado previamente com a instituição financeira , como, por exemplo, para a compra de imóvel ou veículo. Tanto pessoas físicas quanto jurídicas podem solicitar esse serviço. Veja a seguir como o financiamento funciona.

 

Tipos de financiamento

Existem diversas categorias de financiamento para variados perfis de cliente e cada uma conta com características específicas. Veja as principais:

  • Sistema Financeiro de Habitação (SFH) : atende imóveis com valores de até R$ 1,5 milhão, apenas para pessoa física;
  • Sistema de Financiamento Imobiliário (SFI): atende imóveis com valores acima de R$ 1,5 milhão e engloba pessoas físicas e jurídicas;
  • Sistema de Amortização Constante (SAC): parcelas decrescentes, com redução de um ponto percentual a cada mês;
  • Sistema de Amortização Crescente (Sacre): parcelas crescentes, com redução somente em determinado momento;
  • Sistema Tabela Price : prestações com taxas fixas, que variam seguindo a inflação.

 

Taxas existentes

As taxas de juros do financiamento variam conforme cada modelo e instituição financeira, sendo vinculadas diretamente à taxa Selic . Ou seja, quanto maior a taxa de juros básica do país , maior será a taxa de financiamento . Além disso, há influência do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) e Taxa Referencial (TR), a depender do tipo de crédito escolhido.

 

Prazos de pagamento

No geral, o prazo máximo de pagamento é de 420 meses, o equivalente a 35 anos . Contudo, esse tempo pode variar conforme a idade da pessoa que solicitou o financiamento. Por exemplo, se você quiser financiar um apartamento por 30 anos, precisa ter até 50 anos e 6 meses na hora de solicitar esse tipo de serviço à instituição financeira.

 

Atraso de parcelas

Imprevistos financeiros podem ocorrer durante o prazo de pagamento do financiamento. Porém, nesse tipo de modalidade, é possível atrasar até três parcelas do financiamento . Acima disso, o cliente recebe uma notificação extrajudicial para quitar ou negociar a dívida em até 15 dias.

Em último caso, se o devedor não resolver a situação, a instituição financeira pode leiloar o bem e usar o dinheiro arrecadado para saldar a dívida. Contudo, os bancos preferem negociar o débito por causa dos gastos necessários para pôr o imóvel em leilão.

 

Quais as vantagens e desvantagens dessa modalidade?

Na hora de analisar, é importante colocar na balança todos os prós e contras para avaliar a melhor opção. Confira nos próximos tópicos as vantagens e desvantagens dessa modalidade financeira.

 

Vantagens

  • Rapidez na utilização da propriedade;
  • Possibilidade de utilizar o FGTS ;
  • Liquidação antecipada das parcelas;
  • Possibilidade de solicitar alto valor (ideal para comprar imóveis);
  • Taxas de juros menores em comparação a outros modelos.

 

Desvantagens

  • Maior burocracia se comparado à outras opções;
  • Pode ser usado apenas para as finalidades estabelecidas com a instituição;
  • Risco de perder o bem caso não haja pagamento (apesar de ser raro);
  • Risco de ter o nome negativado nos órgãos de proteção ao crédito.

Agora que você conferiu o que é e como funciona o financiamento, veja nos próximos tópicos informações importantes sobre o empréstimo financeiro.

 

Como o empréstimo financeiro funciona?

Empréstimo financeiro é uma transação na qual a instituição financeira empresta determinada quantia, que deverá ser paga por meio de parcelas somadas às taxas e aos juros .

Nessa opção, a quantia emprestada pode ser usada para um objetivo qualquer (ao contrário do financiamento). Por exemplo, pode ser usado para realizar uma viagem internacional, para cobrir despesas médicas ou abrir um negócio.

 

Tipos de empréstimo

Assim como no financiamento, há várias opções de empréstimo disponíveis. Confira a seguir os mais solicitados:

  • Empréstimo pessoal: o cliente utiliza a quantia para qualquer finalidade;
  • Empréstimo pessoal com garantia: o banco exige alguma propriedade como garantia de pagamento;
  • Empréstimo consignado: o pagamento das parcelas incide diretamente na folha de pagamento do solicitante;
  • Empréstimo rotativo: quando o cliente não efetua o pagamento da parcela do cartão de crédito e o banco cobre o que falta;
  • Cheque especial: trata-se de um limite de crédito pré-aprovado ligado à conta-corrente.

 

Taxas existentes

As taxas e encargos do empréstimo podem variar de acordo com a categoria escolhida , a instituição financeira e a taxa Selic. Entretanto, entre as tarifas, pode haver cobrança do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF).

 

Prazos de pagamento

Como existem muitos tipos de empréstimos, o prazo de pagamento pode variar conforme a categoria . A seguir, veja a média de tempo praticada por algumas modalidades:

  • Empréstimo pessoal: varia de dois a 72 meses;
  • Empréstimo pessoal com garantia de imóvel: pagamento de até 240 meses;
  • Empréstimo consignado: o limite para servidores públicos é de 96 meses; para aposentados e pensionistas INSS, o prazo é de 84 meses.

 

Atraso de parcelas

Em qualquer tipo de empréstimo ou financiamento, quem atrasar o pagamento das parcelas pode ter o nome incluído nos cadastros de proteção ao crédito , a exemplo da Serasa .

Além do mais, há outras penalidades aplicadas para os inadimplentes. No empréstimo consignado, por exemplo, o banco pode aumentar a taxa de juros , já no empréstimo pessoal com garantia, a instituição financeira pode tomar a propriedade posta como garantia. A boa notícia é que em todos os casos a dívida pode ser negociada.

 

Principais vantagens e desvantagens do empréstimo

Antes de solicitar empréstimo, é preciso conhecer bem as vantagens e desvantagens dessa modalidade financeira. Veja a seguir!

 

Vantagens

  • Utilizar o valor para qualquer finalidade;
  • Possibilidade de antecipação de pagamento;
  • Menos burocracia;
  • Várias opções de empréstimo para o solicitante escolher; 
  • O dinheiro é disponibilizado rapidamente.

 

Desvantagens

  • Juros maiores; 
  • Menor prazo de pagamento;
  • Risco de ter o nome negativado.

 

Financiamento-imobiliario-com-a-CrediPronto

 

Empréstimo ou financiamento: qual é o melhor?

Para escolher entre empréstimo ou financiamento, é necessário entender que cada operação financeira tem uma finalidade específica. Se você precisa de dinheiro para usar em situações diversas, como quitar outra dívida de juros maiores, o empréstimo é a melhor opção, pois você não precisa informar a finalidade da quantia solicitada .

Caso a razão para solicitar o dinheiro seja para comprar imóvel residencial (casa, apartamento etc.) ou comercial, o financiamento é a melhor alternativa , visto que você consegue taxas de juros menores e maior prazo de pagamento em comparação ao empréstimo.

Veja o resumo abaixo das duas opções:

Empréstimo

  1. Qualquer finalidade
  2. Taxa de juros maior
  3. Prazo de pagamento menor

 

Financiamento

  1. Finalidade específica (imóvel ou veículo)
  2. Taxa de juros menor
  3. Prazo de pagamento maior

 

Tenho um empréstimo, posso fazer um financiamento?

Caso prefira, você pode ter as duas opções, desde que consiga comprovar renda suficiente para arcar com o pagamento das parcelas das duas modalidades , além de ter os requisitos solicitados em ambas as instituições financeiras.

 

Financiamento imobiliário é na CrediPronto

Você precisa de dinheiro para comprar imóvel comercial ou residencial , avaliou entre empréstimo ou financiamento e escolheu a segunda opção? Conte com a CrediPronto .

A CrediPronto é uma empresa do Banco Itaú que está há mais de dez anos oferecendo as melhores condições do mercado. Trabalhamos com financiamento imobiliário e crédito com garantia de imóvel .

Com a CrediPronto, é possível solicitar até 90% do valor do imóvel , com até 30 anos para pagar o financiamento imobiliário. Além disso, dispomos de empréstimo com garantia de imóvel a partir de R$ 40 mil, com até 15 anos para pagar.

A CrediPronto é uma empresa que preza pelo atendimento rápido e fácil . Por isso, garantimos um atendimento personalizado e emissão de contratos de forma ágil e segura. Pensando em atender você da melhor forma possível, oferecemos uma consultoria gratuita com o objetivo de auxiliar nossos clientes neste momento tão importante.

Uma das coisas mais interessantes quando falamos de agilidade da Credipronto é que, após a verificação dos documentos e a assinatura do contrato, você recebe o recurso em até 5 (cinco) dias úteis .

Ficou interessado? Faça a sua simulação conosco ou acesse o site para conferir todas as condições especiais oferecidas pela CrediPronto.

A CrediPronto é uma empresa intermediadora de financiamento imobiliário que foi criada pelo Itaú. Ao financiar com a CrediPronto você tem consultoria gratuita com profissionais especialistas, que vão acompanhar seu processo de perto do começo ao fim e te ajudar no que for necessário, além de outras vantagens.

Na CrediPronto, a taxa de juros padrão é a partir de 10,49% ao ano + TR. ________

O financiamento imobiliário CrediPronto é exclusivamente com o banco Itaú.

Você pode quitar o seu imóvel em até 35 anos (420 meses). Podendo também quitar antes.

Você pode financiar até 90% do valor do imóvel.

Tem o sonho da casa própria?

Financie até 90% do imóvel com taxa a partir de 10,49% ao ano+TR, podendo pagar em até 420 meses (35 anos).