Conteúdo em áudio Corretores de Imóveis

Como tirar o Creci e ser um corretor de sucesso?

Ouça essa matéria!

Para se tornar corretor, não basta ter interesse, disposição e vontade de trabalhar no ramo. Como em qualquer outra profissão, é necessário se qualificar e obter o treinamento e a certificação necessários para o trabalho. Como tirar o Creci é obrigatório para se atuar na corretagem imobiliária, muitos profissionais têm dúvidas com relação às etapas da certificação.

O Creci é fornecido pelo Conselho Regional de Corretores de Imóveis, ele é obrigatório em qualquer negociação imobiliária e o corretor não pode se negar a apresentá-lo.

Além disso, um corretor de sucesso atua de diversas maneiras, por exemplo: buscando imóveis que atendam às solicitações dos clientes, mediando as transações imobiliárias (compra, venda, locação) e administrando residências, apartamentos, terrenos e lançamentos imobiliários junto a proprietários e construtoras.

Para saber mais sobre como se tornar um corretor imobiliário e como tirar o Creci, confira estas dicas:

A importância do Creci para o corretor

Para se tornar um corretor de sucesso, é necessário desenvolver habilidades de marketing de relacionamento, aprender a identificar o perfil do cliente, construir uma boa rede de contatos e usar a tecnologia a seu favor. Mas o aspecto prático da profissão exige o cumprimento das exigências previstas na Lei Federal nº 6.530/78, que regulamenta a atividade.

O registro no Creci é indispensável para que o corretor possa realizar transações imobiliárias e atuar na área. A fiscalização do cumprimento dessa exigência é feita pelo Conselho Federal de Corretores de Imóveis (Cofeci), e as penalidades para os corretores não habilitados podem chegar a 10 vezes o valor cobrado pela anuidade do registro.

Além disso, o registro no Creci garante o reconhecimento do mercado e assegura aos clientes que o profissional em questão é devidamente habilitado e está apto a prestar seus serviços como corretor imobiliário em diversas transações.

Como tirar o Creci

Para se tornar um corretor habilitado, é necessário seguir 3 passos:

Qualificação

O interessado em se tornar um corretor deve possuir o título de Técnico em Transações Imobiliárias ou o diploma de Curso Superior de Ciências Imobiliárias ou Gestão de Negócios Imobiliários, obtidos por meio de instituições de ensino credenciadas e autorizadas pelo Conselho Estadual de Educação, Diretoria de Ensino ou pelo Ministério de Educação.

Dica para essa fase

Você pode fazer Curso Técnico em Transações Imobiliárias (TTI) de forma on-line ou presencial. Antes de escolher entre as duas modalidades, visite o site do Creci do seu estado e verifique se há alguma avaliação sobre as os cursos locais.

Outro ponto importante é buscar um equilíbrio entre duas necessidades: finanças e a sua personalidade. Algumas pessoas buscam o ensino a distância por ele ser mais barato, o problema é que nem todo mundo tem o perfil para estudar por essa modalidade.

Se você se distrai com facilidade ou se não possui um local de estudos adequado, considere o ensino presencial. Afinal, você precisará ser aprovado no curso para poder exercer a profissão.

Isso exige que seja esclarecido um fato sobre os cursos de TTI a distância: eles não são mais fáceis ou inferiores do que os presenciais. Em geral, o mercado imobiliário respeita os cursos oferecidos on-line, pois a maior parte das escolas desenvolveu uma metodologia adequada. Por isso, se você está pensando em como tirar o Creci estudando pouco, acredite, essa possibilidade não existe.

Como fazer o estágio

Durante o curso, o aluno deve se informar sobre as exigências necessárias para sua formação, entre elas o estágio (cuja carga horária é requisito indispensável para a obtenção do diploma). O registro de estágio pode ser solicitado por meio do site do Creci e protocolado no órgão mais próximo do domicílio do requerente.

Dica para essa fase

Muitos corretores não levam a sério essa fase da certificação, contudo, ela é muito importante e não deve ser menosprezada, pois é com a oportunidade do estágio que o profissional poderá entender se, de fato, quer ser um corretor de imóveis.

Como tirar o Creci é obrigatório, muitas pessoas interpretam as exigências do processo como etapas entediantes e limitantes, fazendo suas tarefas de qualquer forma. Não por acaso, depois de formados, muitos profissionais demonstram insatisfação com o que fazem.

Portanto, encare o estágio como um teste para que você consiga se enxergar como corretor imobiliário. Além disso, essa é uma excelente oportunidade para fazer contatos e pegar dicas com profissionais mais experientes.

No mercado imobiliário, é muito importante desenvolver uma rede de contatos ativos. Por isso, conquiste a confiança dos funcionários dos condomínios (porteiros, zeladores, faxineiros etc.), converse com pessoas influentes do bairro em que desejará atuar, mas, principalmente, aproveite o seu estágio para fazer contatos profissionais com seus colegas de profissão.

Em alguns casos, corretores mais velhos podem ver com desconfiança a presença de um estagiário, mas, não deixe que problemas de relacionamento atrapalhem essa oportunidade de crescimento profissional.

Como tirar a certificação

Com o diploma regularizado pela Secretaria Estadual de Educação em mãos, o futuro corretor imobiliário deve solicitar junto ao Creci o registro de sua inscrição definitiva, que será analisado por uma comissão do Conselho e concedido em até 30 dias, quando todos os requisitos forem cumpridos.

Dica para essa fase

A documentação exigida para obter a certificação é bem simples. Por isso, se você perdeu algum dos seus documentos não deixe de pedir a segunda via, porque é esse processo que normalmente demora — e você não vai querer deixar de começar a atuar por causa de um detalhe tão simples, não é mesmo?

  • RG;
  • CPF;
  • Carteira de Alistamento Militar (homens);
  • Certidão de Nascimento ou Casamento;
  • Comprovante de endereço recente em que conste o CEP;
  • Foto 3X4;
  • Cópia autenticada de comprovante de conclusão do Ensino Médio;
  • Cópia simples do Registro Nacional de Estrangeiro (para estrangeiros).

O ideal é que você visite o site do Conselho Regional de Corretores do seu estado para verificar se há alguma outra exigência.

O processo de qualificação e de como tirar o Creci é simples e relativamente rápido, e seguir os passos corretamente é a melhor forma de entrar na profissão com o pé direito. Com o registro em mãos, é hora de investir na carreira aperfeiçoando seus talentos.

Uma das formas de melhorar seu desempenho como corretor de imóveis é ajustando o seu marketing pessoal. Aliás, essa dica pode ser seguida em quanto você ainda é estudante. Por isso, preparemos um artigo sobre a importância do marketing pessoal na carreira de corretor. Leia agora mesmo!

Faça uma simulação e financie até 82%

Acompanhe

Acompanhe as nossas redes sociais e fique por dentro das novidades.