Conteúdo em áudio Mercado Imobiliário

5 conceitos de marketing de varejo para todo corretor conhecer

Ouça essa matéria.

O esforço estratégico que uma loja de varejo precisa fazer para atrair clientes é intenso e diário. Afinal, para obter lucro, esse tipo de estabelecimento deve ser capaz de comercializar em boa quantidade uma série de produtos.

É claro que existem modelos diferentes, mas, no geral, lojas de roupas, livros e outros artigos de varejo ganham por volume de vendas. Assim, se um produto tem uma margem de lucro maior e outro menor, no final das contas, um compensa o outro.

Mas você sabia que as estratégias de marketing do varejo podem ser adaptadas ao mercado imobiliário para atrair clientes e gerar mais negócios? Continue com a leitura para conferir as nossas dicas!

1. Conheça todas as características do seu produto

Quando um cliente entra em uma loja, o vendedor tem poucos minutos para convencê-lo de uma compra. Por isso, é muito importante conhecer todas as características do produto e os benefícios que ele pode trazer.

Da mesma forma, o corretor também precisa dominar todas as informações sobre os imóveis que apresentará para o cliente, a região em que ele está situado e até os processos cartorários.

Além de tirar as dúvidas que estariam impedindo a compra do cliente, demonstrar conhecimento também é uma forma de ganhar a confiança e status de autoridade, o que é muito importante nesse mercado.

2. Entenda como seu preço é estipulado

Uma das grandes objeções de vendas é o preço cobrado, seja no varejo ou em mercados com vendas mais consultivas.

Assim, saber quais fatores determinam o valor dos imóveis é muito importante para explicar ao potencial comprador. Alguns exemplos são o status do bairro, as facilidades que ele oferece, o potencial de valorização nos próximos anos e muito mais.

Tudo isso deve ser compreendido pelo corretor para que ele não se sinta intimidado e saiba argumentar quando um cliente confrontar tal informação.

3. Saiba como promover o imóvel

A compra de um imóvel é um momento importante para o comprador e envolve uma série de aspectos emocionais. Isso também ocorre em outros setores. Um exemplo é quando uma mulher vai comprar um vestido de casamento.

Por isso, conheça o momento vivido pelo cliente e tente potencializar suas emoções. Assim, você consegue fazer com que a experiência seja ainda mais relevante para ele.

4. Capriche na apresentação e no relacionamento com os clientes

O lojista deve vestir a camisa de sua empresa. Se ele vende roupas sociais, é preciso estar bem apresentado e no estilo da loja. O corretor também deve seguir essa premissa.

Ao atuar em um mercado mais formal, ter uma apresentação social é importante, assim como um visual mais despojado terá uma conexão maior com um público jovem.

5. Use o pós-venda para fidelizar e atrair clientes

Depois de uma venda, as lojas costumam enviar e-mails e pesquisas sobre a satisfação dos clientes. Isso demonstra preocupação e desejo de manter um relacionamento, e tem também o objetivo de promover compras futuras.

Os corretores também devem fazer um pós-venda fidelizador, pois isso permitirá que novas indicações para outras pessoas e conhecidos possam acontecer.

Atrair clientes no varejo é uma ação regular, que também envolve ações no mundo digital, como a divulgação em redes sociais. E o corretor também pode aproveitar esses canais para captar novos negócios.

Quer ajudar seus colegas de profissão com essas dicas? Então, compartilhe agora mesmo este conteúdo em suas redes sociais e não deixe de marcá-los nos comentários!

 

Acompanhe

Acompanhe as nossas redes sociais e fique por dentro das novidades.

[]
1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
Faça uma simulação e financie até 82%